EQUIPA

Marcos Barbosa

É o diretor Artístico da Escola do Largo. Foi diretor do Teatro Oficina de Guimarães, programador das Artes Perfomativas de Guimarães Capital Europeia de Cultura. Foi professor de Teatro na Universidade de Nuevo Leon, na Iberoamericana, no Instituto Andrés Soler (México) e na Universidade do Minho. Encena teatro e ópera, com especial incidência no desenvolvimento da dramaturgia contemporânea. É também diretor artístico do Centro Internacional de Dramaturgia da Guarda.  

Jacinto Lucas Pires

Escreve romances, contos, peças de teatro, filmes, música. O seu último romance, Oração a que faltam joelhos (Porto Editora, 2020), ganhou o Prémio John dos Passos. Durante a pandemia, lançou ainda um livro de contos: Doutor Doente (Húmus, 2021). No teatro Lucas Pires trabalha com diferentes grupos e encenadores. Coveiros, a sua última peça, estreou a 10 de dezembro de 2021 na Guarda, pela Escola do Largo, com encenação de Marcos Barbosa. Realizou o filme Triplo A. Faz parte da banda Os Quais. Recebeu o Prémio Europa – David Mourão-Ferreira (Univ. Bari/IC, 2008) e o Grande Prémio de Literatura DST 2013 (com o romance O verdadeiro ator).


Yamilet Méndez Solano

Nasceu em Havana, Cuba a 17 de Fevereiro de 1968. Estudou na Escola de Turismo de la Habana, e fez o curso de Dança contemporânea na Casa de Cultura del 10 de Octubre. Foi modelo de 1987 a 1995. Em Madrid deu aulas a atores espanhóis como Gaya Toledo e António Recines. Trabalhou também como atriz em séries de tv, em Espanha. E deu aulas de dança nas Academias Víctor Ullate, Beatriz Luengo, Colegio Base, La Reina de Cuba. Organiza eventos culturais, concertos e exposições. Vive em Lisboa há dois anos.

Marcos Barbosa

É o diretor Artístico da Escola do Largo. Foi diretor do Teatro Oficina de Guimarães, programador das Artes Perfomativas de Guimarães Capital Europeia de Cultura. Foi professor de Teatro na Universidade de Nuevo Leon, na Iberoamericana, no Instituto Andrés Soler (México) e na Universidade do Minho. Encena teatro e ópera, com especial incidência no desenvolvimento da dramaturgia contemporânea. É também diretor artístico do Centro Internacional de Dramaturgia da Guarda.  

Jacinto Lucas Pires

Escreve romances, contos, peças de teatro, filmes, música. O seu último romance, Oração a que faltam joelhos (Porto Editora, 2020), ganhou o Prémio John dos Passos. Durante a pandemia, lançou ainda um livro de contos: Doutor Doente (Húmus, 2021). No teatro Lucas Pires trabalha com diferentes grupos e encenadores. Coveiros, a sua última peça, estreou a 10 de dezembro de 2021 na Guarda, pela Escola do Largo, com encenação de Marcos Barbosa. Realizou o filme Triplo A. Faz parte da banda Os Quais. Recebeu o Prémio Europa – David Mourão-Ferreira (Univ. Bari/IC, 2008) e o Grande Prémio de Literatura DST 2013 (com o romance O verdadeiro ator).


Yamilet Méndez Solano

Nasceu em Havana, Cuba a 17 de Fevereiro de 1968. Estudou na Escola de Turismo de la Habana, e fez o curso de Dança contemporânea na Casa de Cultura del 10 de Octubre. Foi modelo de 1987 a 1995. Em Madrid deu aulas a atores espanhóis como Gaya Toledo e António Recines. Trabalhou também como atriz em séries de tv, em Espanha. E deu aulas de dança nas Academias Víctor Ullate, Beatriz Luengo, Colegio Base, La Reina de Cuba. Organiza eventos culturais, concertos e exposições. Vive em Lisboa há dois anos.

Marcos Barbosa

É o diretor Artístico da Escola do Largo. Foi diretor do Teatro Oficina de Guimarães, programador das Artes Perfomativas de Guimarães Capital Europeia de Cultura. Foi professor de Teatro na Universidade de Nuevo Leon, na Iberoamericana, no Instituto Andrés Soler (México) e na Universidade do Minho. Encena teatro e ópera, com especial incidência no desenvolvimento da dramaturgia contemporânea. É também diretor artístico do Centro Internacional de Dramaturgia da Guarda.  

Jacinto Lucas Pires

Escreve romances, contos, peças de teatro, filmes, música. O seu último romance, Oração a que faltam joelhos (Porto Editora, 2020), ganhou o Prémio John dos Passos. Durante a pandemia, lançou ainda um livro de contos: Doutor Doente (Húmus, 2021). No teatro Lucas Pires trabalha com diferentes grupos e encenadores. Coveiros, a sua última peça, estreou a 10 de dezembro de 2021 na Guarda, pela Escola do Largo, com encenação de Marcos Barbosa. Realizou o filme Triplo A. Faz parte da banda Os Quais. Recebeu o Prémio Europa – David Mourão-Ferreira (Univ. Bari/IC, 2008) e o Grande Prémio de Literatura DST 2013 (com o romance O verdadeiro ator).


Yamilet Méndez Solano

Nasceu em Havana, Cuba a 17 de Fevereiro de 1968. Estudou na Escola de Turismo de la Habana, e fez o curso de Dança contemporânea na Casa de Cultura del 10 de Octubre. Foi modelo de 1987 a 1995. Em Madrid deu aulas a atores espanhóis como Gaya Toledo e António Recines. Trabalhou também como atriz em séries de tv, em Espanha. E deu aulas de dança nas Academias Víctor Ullate, Beatriz Luengo, Colegio Base, La Reina de Cuba. Organiza eventos culturais, concertos e exposições. Vive em Lisboa há dois anos.